musicas.mus.br

Letras de músicas - letra de música - letra da música - letras e cifras - letras traduzidas - letra traduzida - lyrics - paroles - lyric - canciones - ABSTINêNCIA - SON D' PLAY - música e letra

Utilize o abecedário abaixo para abrir as páginas de letras dos artistas

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Abstinência letra


Sei que ela nunca vai voltar
Eu vou cansar de procurar
Bebida, balada, agora é tudo igual

Deixou esse boy passando mal
Deixou esse boy passando mal
Deixou esse boy passando mal

Curvas igual a do teu corpo, eu não encontrei mais
O nosso amor se completava era, pista e motor
Eu tô vivendo as madrugadas que ficou pra trás
Meu coração é abstinência, pelo teu calor

Lembrei do uso dos efeitos no lençol da cama
O cheiro é psicoativo, suor que derrama
Sua pele excita, dopamina (quero alta dosagem)
Na saliência do consumo, se perde a blindagem

Hoje o cheiro não é de amor, mas tá exalando pelo quarto
A substancia é dependência, mas não provoca o barato
Em picos de felicidade, euforia extrema
Ela se foi, meu coração, arritmia com frequência

Depressão e rebordose é compulsiva e sem controle
O grau que tá meu vicio, me transforma em um risco
Pena que a droga do amor, não existe tratamento
Abstinência desse peito, é que virou um tormento

Lembrei do uso dos efeitos no lençol da cama
O cheiro é psicoativo, suor que derrama
Sua pele excita, dopamina (quero alta dosagem)
Na saliência do consumo, se perde a blindagem

Sei que ela nunca vai voltar
Eu vou cansar de procurar
Bebida, balada, agora é tudo igual

Deixou esse boy passando mal
Deixou esse boy passando mal
Deixou esse boy passando mal

Curvas igual a do teu corpo, eu não encontrei mais
O nosso amor se completava era, pista e motor
Eu tô vivendo as madrugadas que ficou pra trás
Meu coração é abstinência, pelo teu calor

Lembrei do uso dos efeitos no lençol da cama
O cheiro é psicoativo, suor que derrama
Sua pele excita, dopamina (quero alta dosagem)
Na saliência do consumo, se perde a blindagem

Sorriso em meu rosto, garanto que bem menos
Uma impotência por você, que eu admito mesmo
Mas foi nesse colo desse boy, seu coração não dói
Você levou a cura, e essa doença me corrói

Na sua boca fui morango, êxtase do amor
Do jeito que te consumir, aumentava o teor
Você marcou a minha vida (abstinência fica)
Você na cama fez (o que nenhuma fez na vida)

Lembrei do uso dos efeitos no lençol da cama
O cheiro é psicoativo, suor que derrama
Sua pele excita, dopamina (quero alta dosagem)
Na saliência do consumo, se perde a blindagem

Sei que ela nunca vai voltar
Eu vou cansar de procurar
Bebida, balada, agora é tudo igual

Deixou esse boy passando mal
Deixou esse boy passando mal
Deixou esse boy passando mal

Son d' Play - Letras

©2003 - 2017 - musicas.mus.br